Polícia

Polícia apresenta saldo de operação realizada em Marabá que prendeu assaltantes de bancos e carros-fortes

Nesta  segunda-feira (22), foram apresentados em Belém-PA,  os presos  acusados de assalto a bancos e explosão de carros-fortes no sul e sudeste do  Estado.

Na operação realizada na última sexta-feira (19), foram efetuadas duas prisões e contabilizada uma morte. Foram presos Alexandro da Costa Souza, natural de Marabá, e Josiel Oliveira Costa, natural de Macapá (Amapá). O homem que morreu no confronto foi identificado como Saulo Frederico Alves Freire, natural de Pernambuco.

De acordo com o delegado-geral da Polícia Civil Rilmar Firmino, a equipe policial foi recebida a tiros de fuzil por um homem que estava em cima do telhado de uma casa, localizada no bairro Belo Horizonte, em Marabá. A casa segundo a polícia era a  base de atuação da quadrilha.

“No confronto, o suspeito que atirou em direção aos policiais foi baleado e morreu no local. Outros dois integrantes do bando foram presos e quatro fugiram para uma mata”, afirma Firmino.

Foto: divulgação Polícia Civil

Além das prisões, foram apreendidas munições para armas de calibre 7,62mm e ponto50, e  um fuzil ponto50, considerado um armamento de guerra, capaz de derrubar aeronaves e veículos blindados.

Segundo a polícia não há confirmação de que eles tenham sido responsáveis pelo ataque a um carro forte na PA-279, entre Xinguara e Água Azul do Norte, na última quarta-feira (17).

Quatro integrantes da quadrilha continuam foragidos, na fuga eles invadiram uma casa e fizeram uma  mulher e a filha dela reféns. Roubaram o carro da família e seguiram com elas. No meio do caminho, as libertaram e então foram até o rio Itacaiúnas. Às margens, deixaram o carro e se esconderam numa área de mata. As buscas aos foragidos continuam.

Show More

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close