Política

Desiludido Tiririca perde o riso e diz abandonar a política

Em  um plenário com poucos parlamentares o deputado federal Francisco Everardo Oliveira Silva, o Tiririca (PR-SP), realizou nesta quarta-feira, 6, seu primeiro e provável único discurso na tribuna da Câmara desde que foi eleito pela primeira vez em 2010 e anunciou que não vai concorrer à reeleição. Em rápida fala, ele disse que vai abandonar a vida política por ter se decepcionado com o trabalho parlamentar.

“Subo nessa tribuna pela primeira vez e pela última vez. Não por morte. Porque estou abandonando vida pública. (…) Saio decepcionado mesmo”, declarou Tiririca. Ele afirmou que,  como deputado “não dá para fazer muita coisa”. “Costumo dizer que parlamentar trabalha muito e produz pouco”, disse e lembrou do salário  líquido de R$ 23 mil recebido por parlamentares.

Tiririca afirmou que não possui  “jogo de cintura” exigido para ser político. “Saio totalmente com vergonha. Eu queria que vocês tivessem um olhar pelo nosso país, para o nosso povo que precisa de saúde.”pediu o parlamentar.

Em 2014, Tiririca foi reeleito com 1,016 milhão de votos. No segundo mandato, votou tanto a favor do impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT) quanto pela abertura de investigação contra Michel Temer, mesmo com a pressão da direção partidária sobre ele.

Tiririca é um dos deputados mais assíduos da Câmara, mas  só usou o microfone três vezes no plenário, Tiririca só conseguiu aprovar uma de suas propostas em sete anos de mandato: a que inclui artes e atividades circenses na Lei Rouanet.

Assista o discurso de Tiririca:

Show More

1 thought on “Desiludido Tiririca perde o riso e diz abandonar a política”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Close